Confira!

Encerramento de 2016 | Tudo que houve de bom neste ano

Olá para você que é louco por leituras! Hoje, no penúltimo dia e última sexta-feira do ano, eu vim trazer para vocês um post mega especial, porque aqui vamos relembrar as melhores coisas que aconteceram por aqui em 2016! E é com esse clima de comemoração e esperança que vamos esperar pelo ano novo! Então, não deixe de continuar lendo, porque tem muita coisa bacana pra você conferir!
Como eu sei que todo mundo adora uma lista, decidi iniciar esse post com uma lista dos melhores livros que li esse ano. Seguindo a tradição das listas aqui no blog, escolhi dez títulos. E poxa, como foi difícil escolher só dez! Porque esse ano, eu li ótimos livros. Seguimos agora com uma lista em ordem cronológica, isto é, seguindo a ordem de leitura ao longo do ano.

Os melhores livros do ano


1- Os Miseráveis - Victor Hugo


Eu só poderia começar essa lista com o livro campeão de citações aqui no blog! Quem me acompanha sabe que eu quase sempre cito Os Miseráveis em alguma TAG ou lista por aqui, e é só porque eu amei demais esse livro. É difícil fazer um resumo rápido, até porque o livro traz várias histórias diferentes, mas eu poderia dizer que a principal delas é a da jornada em busca de redenção feita por Jean Valjean, um homem que passou 19 anos preso e que depois de receber um gesto de generosidade de um estranho, decide modificar sua vida. É um dos clássicos da literatura universal e talvez o livro mais famoso de Victor Hugo, adaptado várias vezes para o cinema. Clique aqui para ver a resenha!


2- Toda Luz Que Não Podemos Ver - Anthony Doer


Esse livro era um dos que eu mais desejava ler desde que a Editora Intrínseca anunciou os lançamentos de 2015. O meu motivo inicial para que eu me interessasse era o fato de a história ser ambientada na Segunda Guerra Mundial, que é uma temática que eu gosto muito. Mas outra coisa que me conquistou muito foi o livro ter retratado a importância do rádio nessa época e a paixão e o fascínio que o rádio despertava nas pessoas. Eu participo de um programa de rádio ao vivo desde o meu segundo período na faculdade e amo esse veículo de comunicação, então me identifiquei muito com esse aspecto da história! Aqui, nós acompanhamos paralelamente os protagonistas Marie Laure e Werner, uma menina francesa cega e um menino alemão com grande talento para tecnologia. O destino dos dois se cruza de maneira impressionante durante a ocupação alemã na França. Confira a resenha aqui.


3- Olga - Fernando Morais


Esse é um livro que eu tinha vontade de ler há muito tempo. Eu tinha ouvido falar vagamente de Olga como uma figura histórica, embora eu não soubesse bem quem ela era ou qual papel ela teve na História do Brasil. Mas graças a uma disciplina da faculdade, eu pude ler a biografia dela escrita por Fernando Morais, que é uma reportagem feita a partir de muitas entrevistas e pesquisas históricas. Olga Benário foi uma militante comunista alemã que veio ao Brasil com a missão de acompanhar e proteger Luís Carlos Prestes e ajudar a instaurar um governo comunista no Brasil. Olga foi presa, torturada, deportada, entregue à Alemanha nazista (ela era judia) e depois enviada a um campo de concentração. Esse livro é uma ótima forma de conhecer um pouco mais a História do Brasil no período de 1930-1945 e ter uma noção de como foi o clima pré-Segunda Guerra no Brasil e no mundo, além de conhecer uma figura quase esquecida na nossa História. A resenha está aqui.


4- À Espera de Um Milagre - Stephen King


Esse livro foi o segundo do Stephen King que eu li, e foi uma grande descoberta. Você provavelmente já deve ter assistido ao filme com Tom Hanks, mas vou resumir a história mesmo assim. Aqui, Paul Edgcombe nos conta suas lembranças do ano de 1932, quando trabalhava no "corredor da morte" de uma penitenciária estadual. Lá, ele conheceu John Coffey, que foi condenado pelo estupro e assassinato de duas meninas, mas que não parecia ser um criminoso. Além disso, John tinha um dom impressionante, que possibilitou a realização de alguns "milagres" ao longo da história. É um drama emocionante, com personagens muito bem construídos. Não deixe de ler a resenha!


5- A menina submersa: memórias - Caitlín R. Kiernan


A Menina Submersa é com certeza um livro incrível. Aqui, a história está sendo escrita ao mesmo tempo em que estamos lendo, e conhecemos o mundo de India Morgan Phelps, ou simplesmente Imp, e as duas versões da sua história de fantasmas. Imp é uma narradora incomum e nem um pouco confiável. Ela tem esquizofrenia e afirma que nem tudo na sua história pode ter acontecido da forma que ela se lembra. Mas ela precisa contar o que aconteceu e dar vazão aos seus sentimentos. Ela precisa falar sobre Eva Canning, a mulher que transtornou sua vida. A escrita desse livro é transgressora, pois Imp não segue uma ordem cronológica, interrompe o fluxo de pensamentos e mescla lembranças. É um livro repleto de mitologia e referências, e exige muita paciência e imersão. Leia minha resenha!


6- A Casa dos Espíritos - Isabel Allende


Em A Casa dos Espíritos nós acompanhamos a história da família Trueba, desde o início do século XX até a década de 1970, quando o Chile vive uma ditadura militar. Aqui, conhecemos o autoritário Esteban Trueba, rico latifundiário e político influente, patriarca da família; conhecemos sua esposa Clara, que tem visões sobre o futuro; conhecemos a rebeldia de sua filha Blanca, apaixonada por um dos empregados do pai; conhecemos a obstinação de Alba, militante socialista. Toda a história está repleta de realismo fantástico, que faz com que a narrativa seja encantadora. As relações, encontros e desencontros entre os personagens são cômicos, trágicos e emocionantes. Eu li esse livro sem conseguir parar, e quando terminei, ainda fiquei sonhando com tudo o que esse livro me trouxe. A resenha pode ser encontrada aqui.


7- As Cem Melhores Crônicas Brasileiras - Joaquim Ferreira dos Santos


Esse livro resgata textos de diversos autores e autoras brasileiros, escritos em períodos diferentes, desde meados do século XIX até o início dos anos 2000. É uma rica coletânea de crônicas, que nos leva a conhecer bem esse gênero narrativo tão brasileiro. Através de todos esses textos, somos levados a rir, chorar e refletir sobre os mais diversos assuntos. É um livro sem sombra de dúvidas encantador. Leia a resenha aqui.


8- Contos de Imaginação e Mistério - Edgar Allan Poe


Contos de Imaginação e Mistério apresenta vinte e dois contos de Edgar Allan Poe, além de um prefácio escrito por Charles Baudelaire e ilustrações riquíssimas feitas por Harry Clarke. Entre as histórias estão algumas das mais famosas de Poe, além de outras nem tão conhecidas assim. O livro é uma oportunidade de conhecer tanto os contos de teor macabro e assustador, quanto outros de temática diferente, como O Escaravelho de Ouro, que é uma história de caça ao tesouro; e Os Assassinatos da Rua Morgue, que é uma história de detetive. As ilustrações de Harry Clarke traduzem toda a atmosfera sombria, sufocante e/ou assustadora das histórias. É uma ótima maneira de conhecer um pouco da obra de Poe. Leia a resenha aqui.


9- A Revolução dos Bichos - George Orwell


Essa é uma história escrita em forma de alegoria, na qual Orwell pretendia criticar certos aspectos da sociedade russa pós-revolução. Em uma fazenda na Inglaterra, os animais domésticos decidem se rebelar contra os seres humanos, por acreditar que seu trabalho e sua capacidade produtiva são explorados e pouco valorizados. Os porcos são escolhidos como líderes. A princípio, todos são considerados iguais, até que alguns dos bichos passam a ter privilégios e as leis são modificadas para justificá-los. Os bichos, então, percebem que se tornaram livres só para depois se voltarem à escravidão. É um ótimo livro sobre relações de poder e contém trechos emocionantes. Leia a resenha!


10- A Cor Púrpura - Alice Walker


Essa é a história de Celie, uma jovem que viveu uma vida repleta de violência, com abusos sexuais por parte de seu padrasto e agressões por parte de seu marido, um homem muito mais velho com o qual ela foi obrigada a se casar e que não tinha o menor respeito por ela. Por ser mulher e negra, Celie não é considerada digna de nada, e então desabafa escrevendo cartas para Deus. Mas essa é também uma história sobre libertação, pois quando conhece Shug Avery, Celie se descobre digna de amor e felicidade, e então passa a tomar poder sobre sua própria vida. É um ótimo livro para reflexão sobre racismo, violência contra a mulher, machismo e etnocentrismo. Clique aqui para ler a resenha.


Foram esses os melhores livros que li durante o ano. Espero que você também goste de conhecer todos eles!
Agora, vamos partir para as conquistas que realizei com o blog durante o ano. Essa parte do post é muito especial, então não deixe de continuar lendo!

Minhas conquistas com o blog


Decidi relembrar algumas das melhores coisas que aconteceram por aqui durante esse ano. Talvez você não tenha percebido muitas delas, mas todas foram especiais para mim e significam muito para alguém que criou o blog de maneira despretensiosa.
Então, vamos lá!

1- Layout novo: Eu comecei o ano com um laytou novinho em folha, completamente moderno e clean. Era um layout todo branquinho, que deixou o blog mais organizado e "limpo", sem tantas cores como era em 2015. Infelizmente, não tenho nenhum print para mostrar aqui para vocês. Mas eu gostava muito daquele layout (que era diferente desse).

2- Parcerias com autores: Em maio de 2016, eu recebi o meu primeiro pedido de parceria, e a partir daí, li 11 livros enviados pelos autores. Isso me deixou muito feliz, porque significa que alguém recomendou meu blog para esses autores, ou que eles mesmos visitaram meu blog e gostaram do meu trabalho.

3- A logo do blog e a capa para o Facebook: Em agosto, eu consegui juntar um dinheirinho e a Mandy Castilho do blog Vintezanos fez uma promoção para seus trabalhos de designer. Foi juntar o útil ao agradável. Encomendei com ela uma logo para o blog e uma capa novinha em folha para a página do Facebook, e simplesmente amei o trabalho da Mandy!



Não ficou lindo? Você ainda pode conhecer mais do trabalho da Mandy no portfólio dela, clicando aqui!

4- Novo layout (de novo): Eu acabei me cansando do layout clean que usava antigamente, e então decidi mudar assim que a logo do blog ficou pronta. Eu baixei um modelo gratuito no blog Follow Your Dreams, que é o laytou atual. Eu gosto muito desse esquema de cores e acho que tem tudo a ver comigo e deixa o blog muito mais legal!

5- Redes sociais: esse ano eu tive certo crescimento nas redes sociais. As curtidas na página do Facebook cresceram bastante. Passei a usar o Twitter para divulgar o blog e entrar em contato com outros blogueiros e booktuer's. Além disso, comecei a usar o Instagram e a fazer fotos de livros cada vez mais bonitas!
Conheça todas as minhas redes sociais:



É muita coisa boa pra um ano só, não é mesmo? E é por causa disso tudo que eu desejo encerrar esse ano com muita esperança para 2017. Que o ano novo seja bom para todos os blogueiros e leitores que acompanham o Loucura Por Leituras, e que eu possa ter muito mais coisas boas para mostrar pra vocês! Boas festas e feliz ano-novo!

Por: Lethycia Dias

2 Comentários

  1. Parabéns por 2016!! Para o CV também foi maravilhoso!!
    Beijos e feliz ano novooo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada,Querida amiga! Te desejo um ótimo 2017!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Entre em contato conosco!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Veja quem me segue:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...