Confira!

O conto surgiu com o tão antigo costume humano de contar histórias, e passou a ser empregado na escrita. É uma modalidade narrativa que atrai muitas pessoas, por ser mais curto que a novela ou o romance, e por proporcionar uma leitura rápida, sem que seja necessário muito esforço para que seja compreendido. Por isso, o conto é veiculado não apenas em livros, mas também em revistas, jornais, e também na internet. A facilidade e rapidez da leitura virtual criou até mesmo um subgênero dentro do conto: o miniconto, cujo formato é ainda mais reduzido.
O conto pode narrar acontecimentos possíveis de acontecer, porém incomuns; pode também relatar coisas fantasiosas, próprias do universo da imaginação. Pode ser narrado em primeira ou terceira pessoa, e necessita de personagens, tempo, lugar, e um conflito. Diferentemente da novela e do romance, só possui um clímax, que será o momento de tensão.
Existem algumas características que o identificam:

  • Narrativa linear e curta, em extensão e no tempo que se passa;
  • Envolvimento de poucas personagens;
  • Todos os acontecimentos se encaminham em direção ao desfecho;
  • Linguagem simples e direta, sem utilização de expressões que podem ter mais de um sentido;
  • As ações acontecem em um só espaço, de acordo com um só conflito;
O conto é um dos gêneros narrativos mais populares. Muitos escritores brasileiros destacam-se na escrita do conto, entre eles: Machado de Assis, Monteiro Lobato, Lima Barreto, Clarice Lispector, Lygia Fagundes Telles. Hoje, novos escritores continuam renovando o estilo.

Por: Lethycia Dias

Deixe um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Entre em contato conosco!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Veja quem me segue:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...